Dicas de dermatologistas para acabar com as espinhas

Conheça os principais tratamentos disponíveis no mercado que prometem eliminar a acne

Escrito por -


Na internet existem milhares de receitas que prometem acabar com as espinhas, e mais uma infinidade de cremes e pomadas no mercado para tratar o mal, mas é sempre essencial fazer acompanhamento médico com seu dermatologista, que saberá indicar as melhores formas de tratamento e prevenção para seu caso.

Engana-se quem pensa que acne e espinhas são problemas que atingem as pessoas apenas durante a adolescência. Fatores como hormônios, herança genética, ciclo menstrual, tensão, alimentação e até poluição podem contribuir para o nascimento de espinhas e acne.

Dicas de dermatologistas para acabar com as espinhas

como acabar com espinhas
Foto: Sveikata

Prevenção

  1. Uma dica simples dada por dermatologista é o uso de sabonetes especiais para combater a oleosidade. Existem diversos sabonetes com esse objetivo, de diferentes preços e qualidades. Os mais recomendados são aqueles que contenham enxofre, ácido salicílico ou camomila em sua composição.
  2. Diferente do que muitas pessoas pensam, lavar o rosto toda vez que o sente oleoso não é recomendado. Lave no máximo duas a três vezes por dia, pois mais do que isso estimula as glândulas sebáceas a produzir ainda mais oleosidade.
  3. Evite produtos que contenham vitamina B, como xxx. Essa vitamina estimula as glândulas sebáceas e deixarão seu rosto mais oleoso. Também prefira cosméticos e protetores solares que venham com aviso de ser oil-free, ou seja, sem óleo e com composição pensada para não aumentar a oleosidade da pele.
  4. Evite comidas muito calóricas, como massas brancas e alimentos ricos em açúcares, pois elas também podem provocar um aumento na quantidade de espinhas. Ao invés disso, procure ingerir alimentos com vitamina C (laranja, morango e limão), com antioxidantes (castanhas e nozes) e silício (lentilhas, damasco e aveia), que ajudam a estimular a produção de colágeno.
  5. Não é por ter a pele oleosa que você não deve hidratá-la. Para evitar que o hidratante deixe sua pele oleosa, prefira hidratantes em gel ou com toque seco.

Leia mais: Tratamento a laser para tirar manchas de espinhas

Dicas de dermatologistas para tirar espinhas

Tratamento

  1. Muito cuidado com tratamentos improvisados. Existe um mito de que passar pasta de dente nas espinhas ajuda a tratá-las, mas isso pode piorar o estado das espinhas e até deixar cicatrizes mais aparentes. Na dúvida, não use produtos que não sejam indicados no tratamento para acabar com as espinhas.
  2. Tomar um pouco de sol pode deixar sua pele melhor, mas cuidado! Só tome sol durante o horário seguro, antes das 10h e após 16h e não exagere.

O que os dermatologistas recomendam para tirar espinhas?

  1. Use máscaras secativas com argila e mel. A argila pode ser achada facilmente em lojas de produtos naturais, e sua máscara ajuda a secar espinhas mais inflamadas.
  2. Pode ser tentador, mas evite a todos os custos mexer ou estourar espinhas. Ao invés disso, faça uma limpeza de pele a cada cinco meses ou mais, dependendo do que o seu dermatologista recomendar.
  3. Em certos casos, o uso de pomadas e cremes específicos para tratamento de espinhas e acnes são a melhor saída, porém sempre pergunte a opinião de seu dermatologista.
  4. Se sua acne for severa, seu médico poderá passar remédios anti-inflamatórios e antibióticos para ajudar no tratamento.

Lembre-se sempre: acne e espinhas são problemas que nem sempre estão no nosso alcance de prevenir e tratar, porém sempre faça o máximo antes do problema se agravar.



Dicas de dermatologistas para acabar com as espinhas
5 (100%) 1 vote