Espinhas na gravidez – Como tratar

As espinhas na gravidez podem ser comum para algumas mulheres, veja como funciona o tratamento nesses casos:

Escrito por -


Devido à elevação das taxas hormonais, é muito comum haver espinhas na gravidez, afinal, não só os hormônios se alteram, mas toda a parte metabólica, vascular e claro que muitas dessas mudanças são refletidas na pele.

Embora a acne na gravidez tenha uma evolução imprevisível, dependendo também do organismo e da genética de cada gestante, existe uma hiperatividade das glândulas sebáceas e os níveis de estrógeno aumenta 10 vezes e o de progesterona, 30 vezes, pois estes hormônios que são levados pela corrente sanguínea até a placenta são fundamentais para o desenvolvimento do bebê.

Mesmo que durante a gravidez a mulher possa ter problema com acne, a recomendação é fazer um acompanhamento com um dermatologista e ter paciência, pois após o nascimento da criança, ainda na fase de amamentação, as taxas de hormônios caem e voltam a se estabilizar.

Como cuidar das espinhas na gravidez

espinhas na gravidez e sinal de que
Existem algumas dicas sobre como cuidar das espinhas na gravidez. Foto: Healthline

A primeira dica delas é: evite a exposição ao sol, pois o calor e a umidade, podem piorar a situação, sem contar que o sol mancha a pele, ainda mais se já houver lesões, portanto, use protetor solar. Também não é recomendado o uso da maquiagem, pois pode obstruir os poros e favorecer o surgimento de espinhas.

Evite fazer qualquer tratamento para  acne com medicamentos, ácidos, peeling, laser ou radiofrequência, porém, se for inevitável, é importante conversar com o dermatologista e obstetra antes.

Grávida pode usar creme para espinhas

A grávida pode usar creme para espinhas, mas com restrições: o creme não pode ser ácido e deve ser hipoalergênico, mas é fundamental consultar o médico antes, pois podem haver componentes na fórmula que prejudicam a saúde vulnerável da gestante e/ou do bebê.

Uma alternativa é utilizar uma máscara caseira no rosto, feita de arroz e mel:

– Misture 1 colher (sopa) de mel com 2 colheres (sopa) de arroz cozido empapado, sem temperos. Bata a mistura no liquidificador e aplique na pele com espinhas e deixe agir por 20 minutos. Lave o rosto com sabonete líquido e água fria. Finalize com um protetor solar.

espinhas na barriga na gravidez
Foto: TheBump

Leia mais:
Gel secativo redutor de espinhas Clearskin Avon funciona?
Espinhas podem ser causadas por estresse?

Tratamento para espinhas durante a gravidez

A gestante pode fazer uma rotina de cuidado com a pele diariamente, que consiste em:

  1. lavar a pele com sabão neutro 2 vezes por dia. Se preferir, pode usar até mesmo o shampoo Johnson’s Baby tradicional, que tem pH neutro e é recomendado para peles sensíveis;
  2. aplicar uma loção tônica com um algodão após secar a pele;
  3. hidratar o rosto com um produto sem óleo, de preferência que contenha algum fator de proteção, se não, após a hidratação, passar protetor solar no rosto para evitar manchas ou piora da acne.


Espinhas na gravidez – Como tratar
Avalie!